A segurança pública será pauta de um encontro do presidente Michel Temer (MDB) com os governadores do país nesta quinta-feira (1º). O governador Paulo Câmara (PSB) vai participar do encontro que acontecerá em Brasília. A reunião acontecerá três dias depois de Temer criar o Ministério Extraordinário da Segurança Pública, comandado pelo ministro Raul Jungmann (PPS-PE).

O encontro atende a reivindicações dos chefes dos Executivos estaduais, inclusive o próprio gestor pernambucano que, na última sexta-feira (23), chamou de “improvisada” a maneira com que o governo federal tem tratado a área da segurança no país.

“É preciso ouvir os governadores, os do Nordeste, por exemplo, já falam deste tema a muito tempo e precisou agora ter um grande estresse, como o que ocorre em grandes estados, para que o governo começasse a tratar disso e de forma ainda muito improvisada”, criticou, na ocasião, ao ser interpelado sobre como avaliava a criação da nova pasta.

“O planejamento ficou bem aquém do necessário para um assunto tão sério e que não é pontual. É uma violência generalizada em todo o país, não podemos esperar que a droga chegue em todas as cidades para combater o tráfico”, completou.

Paulo Câmara tem cobrado, por exemplo, maior atuação do governo Temer nas fronteiras do país, para evitar que armas e drogas passem com facilidade.

Via LeiaJá

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here