Construir um cronograma de ações para interiorização da política LGBT e aproximar lideranças e militantes LGBT do Centro Estadual de Combate a Homofobia (CECH). Com este objetivo a coordenadora do Centro, Suelen Rodrigues, e o assistente social, Luiz Braúna, estiveram reunidos, de 2 a 4 de março, no município de Ibimirim (PE), no Sertão do Moxotó, com cerca de 30 lideranças e militantes LGBT de 13 cidades pernambucanas.

Na ocasião foram definidos alguns encaminhamentos para garantir a interiorização da política, entre eles, a criação de núcleos LGBT nos municípios, a realização de encontros regionais para fortalecimento dos movimentos, a criação de novos conselhos municipais, além da capacitação de profissionais de saúde e educação. Participaram do encontro lideranças e militantes dos municípios de Ibimirim, Cedro, Cumaru, Nazaré da Mata, Palmares, Vitória de Santo Antão, Belém de São Francisco, Pombos, Moreno, Jaboatão dos Guararapes, São Benedito do Sul, Catende e Tabira.

“O encontro foi de grande importância, pois possibilitou a aproximação do CECH com as lideranças dos quatro pontos do Estado e a partir da fala de cada um foi possível identificar as necessidades de cada município e através delas traçarmos estratégias de fortalecimento e interiorização da política LGBT“, avalia Suelen. A equipe técnica do CECH também aproveitou a oportunidade para apresentar o cronograma de atividades previstas para o interior neste primeiro semestre e detalhou as atividades desenvolvidas o ano passado.

Serviço

O Governo de Pernambuco disponibiliza serviços voltados para o público LGBT. A Coordenadoria LGBT é responsável por resguardar os direitos que favorecem a visibilidade e o reconhecimento social das lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBT). Já o Centro Estadual de Combate à Homofobia (CECH) oferece apoio psicossocial e jurídico às vítimas de discriminação e de preconceito. (foto/divulgação)

Fonte Carlos Brito

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here